Ultimamente



Não morremos, estamos cheios de saúde ( felizmente) e de energia. Não foi um blackout forçado nem pensado, mas confesso que soube bem este desligar por completo do computador. Começou sem querer, com o  excesso do trabalho da Noah&Cool e as entregas de Natal, e foi-se prolongando mais um dia, mais um dia, bem, até hoje. 
Verdade seja dita que andamos bem atarefados pelo instagram, mas aqui o blog é que ficou adormecido. Obrigada a todas pela preocupação!

Pois bem, resumindo assim as duas últimas semanas ( ou três?), foram recheadas de trabalho, energia e nestes últimos dias de descanso absoluto. Que maravilha!!

Vamos começar pelo principio, os meus anos.
Fiz anos, e pela primeira vez, comecei a sentir o peso dos anos, a caminhar cada vez mais rápido para os 40. Nunca me afligiu a idade, nunca fiquei preocupada com os números e sempre adorei fazer anos. Mas este ano... está a fazer-me alguma confusão....


Com todas os Mega Cool Kits da Noah&Cool a serem entregues ainda antes do Natal,com centenas de emails e mensagens, com tantas cosas para tratar, o Natal apareceu assim de repente, e quando reparei já era mesmo em cima da data. Ao contrário de praticamente todas as mães que vejo, não consegui escolher detalhadamente os looks dos miúdos deste Natal, não andei a seleccionar criteriosamente as cores nem combinar os sapatos com as calças. 
Confesso, na véspera da véspera, ataquei o armário do João  e o Tomás. O mais pequeno tinha 2 pares de calções azuis, e o mais velho calas de bombazaine azuis. Camisas era fácil pois é algo que há sempre nos armários deles, é algo que compro sempre no inicio da estação já a pensar nestes "percalços" de mãe desnaturada. Na véspera da véspera, meti-me na rua e entrei numa loja. Não tinha os tamanhos deles.
Fui a uma segunda e felizmente na terceira já havia. Trouxe dois casacos de malha kaki da Knot, que era o que havia. Não foram escolhidos com todo o tempo do mundo, nem com toda a preocupação de estarem primorosamente deslumbrantes.
Et voilá, estavam uns amores, pelo menos para mim ( e para o resto da família).

O Natal foi passado a correr, entre duas casas, dois perus e bacalhau, muitos primos, muita confusão e animação. Acordamos tarde, manhãs preguiçosas sem horas e sem compromissos. Manhãs lentas, com banhos lentos e horas fugidas. Dias bons.


Quase sem querer e completamente por acaso, fomos visitar um Quartel dos Bombeiros verdadeiro. Carros grandes e super grandes, pequenos e médios, ambulâncias, barcos e até cães. Visita completa cheia de paciência do Bombeiro Bernardo e dois miúdos famintos por mais. Quase duas horas depois, eles ainda queriam saltar para dentro de um carro e foi complicado vir embora. O Mini de boca aberta, encantado da vida, foi impagável..




Aproveitamos e fomos ao Portugal dos Pequenitos, e o mais pequeno adorou. O Jr já lá tinha estado duas vezes e ainda se lembrava de tudo. O Mini delirou. Rufia como é, entrava em cada casa e dizia que era dele, só dele " saiam daqui, é a minha casa!!!". Depois ia para outra, talvez do Ribatejo ou do Douro e voltava a afirmar posse e propriedade. Os outros pais olhavam (nos) de lado.









Sigam-nos por aqui @mybabyblueblog

Mais posts sobre Me&Us 

Comentários

Mais lidas