A sabedoria sábia da minha ex e possível futura nora



Chegou a casa e disse-me para não ficar chateada, mas tinha uma namorada. Não que fosse mais namorada sua do que eu era, afinal de contas a mamã querida é a sua querida, mas era uma namorada de quem gostava muito. A felizarda  era a sua melhor amiga e agora namorada, a F.


Achei imensa piada, pois esta relação de amor já se vem desenvolvendo desde dos três anos, e parece que se consolidou nos sólidos e maduros 5 anos. E não, não tive ciúmes.

Poucos dias depois encontro a mãe da F, minha possível futura comadre, e comentei o que ele me tinha dito. Ao qual ela responde-me que afinal já não são namorados. 

Fiquei surpresa, pois não tinha sido avisado deste desenlace, nem me tinha apercebido de um desgosto de amor ambulante lá por casa.  Curiosa, perguntei porquê, e a mãe ( minha actual ex e possível futura comadre) confidenciou-me que a filha ( minha actual ex e possível futura nora) tinha ficado bastante triste com o facto de que após terem assumido a relação, o tempo que os dois brincavam juntos tinha diminuído substancialmente.

E como era óbvio, a minha actual ex e possível futura nora preferiu assim acabar com o noivado e usufruir mais tempo de brincadeira com o amigo.

Esperta a miúda!




Foto: pinterest

Mais posts sobre Me&Us

Comentários

  1. ahahahahahah :-)

    Que gira essa fase dos namoros infantis :-) :-) :-) Devagarinho lá nos vamos habituando à ideia que um dia vamos mesmo ser sogras...

    ResponderEliminar
  2. É verdade....; e terei duas....... Beijinhos
    Marta

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais lidas