Os reborn babies | bebés reais (de plástico)

Confesso que me faz alguma confusão , isto de ter um boneco a replicar tal e qual, praticamente tão (mas tão) realista, um recém nascido. 
Confesso também que não percebo porquê as pessoas ficam tão eufóricas à volta destes bonecos, e que até há pessoas que tratam e cuidam deles como se de verdadeiros bebés tratassem e cuidassem. 


Conhecendo a mim como conheço, acho que não consiguiria ter um boneco aqui em casa exactamente igual a um dos meus filhos quando nasceu. Não que não queira reviver o momento, e que não tivesse gostado dessa altura ou de vê-los assim tão pequeninos e indefessos, não, foram momentos mágico! Irei revive-los através das fotografias (inúmeras, milhares), vídeos (mais que muitos, imensos), e das histórias que vamos contando ou revivendo com o Pai, com os Avós, e os amigos. 
Ou simplesmente fecho os olhos e lembro-me. 

Ter um boneco desses cá em casa faz-me confusão, pois é tão real, mas não deixa de ser um boneco. Sinceramente ainda não consegui definir em palavras o que sinto em relação a isso. Faz me muita mas muita confusão. 

Li na net e vi uma reportagem na tv há uns tempos de pessoas que para tentar compensar a impossibilidade de não ter filhos ou uma tragédia que sofreram , decidiram "adoptar" estes bonecos. Fazem uma vida igual à nossa, com as mesmas rotinas, os mesmos cuidados, os mesmos passeios, mas com um boneco. Admito que se calhar numa primeira fase até possa ajudar ( talvez, de alguma maneira, sei lá..), mas com o prolongamento destes comportamentos não fará mais mal mal do que bem? Não entrará a pessoa num mundo ilusório? Um mundo só dela ( e dos grupo de reborn mummies que se juntam)? Uma vida imaginaria vivida dentro da cabeca de um grupo pequeno de pessoas ( e dos seus bebés bonecos)? 
Claro que só sabe o que se passa e o que se sente, quem efectivamente passa por tal coisa, e que é muito fácil falar quando não se passou por isso, mas mesmo assim???..... Não haverá outros mecanismos para conseguir ultrapassar uma nuvém (ou tempestade) cinzenta?

E depois há quem compre a roupa em lojas de reborn, e faça os quartinhos dos reborn, e lances com os outros amigos reborn.......hhmmmm......

Respeito quem os compra, respeito os seus motivos, mas não os compreendo. 





 

posts com a tag "opinião" ver aqui.
facebook | instagram | google+| bloglovin|

Comentários

Mais lidas