Emoções ao rubro | Conversas na Rede

Ontem cheguei a casa quase ao fim do dia depois de uma tarde toda fora. Confesso que cheguei a casa com várias emoções cá dentro todas diferentes e todas ao rubro!

Foi o evento da Red Apple, já falado aqui. 

Primeira emoção: Timidez. Eu falar, ali. Eu, falar, sobre quê? E sem me engasgar? Foi mais ao menos isto que me passou pela cabeça.

Segunda: Alegria! Conhecer a Ana Manta, conhecer o projecto, e contribuir para a Casa do Caminho!
Terceira: Empatia! Empatia imediata pelas minhas queridas colegas bloggers, que obviamente ajudou imenso á conversa. E podíamos ter lá estado a noite toda sempre a conversar, a rir e a brincar! Adorei a calma da  Mariana da Tia Cocas, a espontaneidade da Pipa do Babies and Cupcakes, e a alegria da Sofia com a sua Vida a 4d!

Quarta: Compaixão ! Pelos meninos e bebés da Casa do Caminho. Estar a ouvir a Dra Maria da Luz, a relatar situações por vezes (muitas vezes infelizmente) a contar episódios dramáticos onde a criança é o centro fulcral de tudo, custa ouvir e sentir.

Quinta: Sofrimento. Custa ouvir como mãe e só pensava no colinho que devem querer e desejar. Situações muito conflituosas que fogem da nossa realidade e do nosso imaginário , e que nem sequer pensamos existam já aqui ao lado. Já referi que visitei a Casa do Caminho e presenciei em primeira mão a dedicação e afecto que todos entregam ás crianças. Mas não imaginava do que estas crianças poderiam ter passado. Crianças cujos pais acham normal poderem  “aluga-las”, sim, aluga-las(!!!!!!) para pedirem dinheiro na rua e outras situações tão ou mais horríveis.

Sexta:  Gratificação! Por existirem eventos como estes que permitem ajudar quem mesmo precisa!!!! Gratificação por existirem associações como a Casa do Caminho que acolhem bebés e crianças e tentam dar-lhe um lar e devolver –lhes as suas infâncias. Que bem haja para todos, os que fazem, os que permitem fazer, os que ajudam,  e os que estão lá todos os dias e todas as noites!
Adorei os bolinhos da Carlota mais Doce, as fotografias da My Frame, e as babysitters da Grow!

Ps: O João era para vir comigo, mas conseguiu pôr pimenta nos olhos (depois de ter sido várias vezes avisado para não brincar com pimenta), sentiu-se muito combalido e preferiu-se retirar  para o aconchego do seu lar …..

Comentários

Enviar um comentário

Mais lidas