As minhas gravidezes


Estive recentemente num jantar de meninas, onde , obviamente, falava-se dos filhos, dos maridos e afins, e das gravidezes. Acho que nunca falei das minhas... portanto....

Olhando para trás, posso dizer (agora) que tive duas gravidezes relativamente fáceis, se bem que na altura estava sempre a queixar-me e a contar o tempo que faltava. 

Quando engravidei do João tinha 28 anos, e correu muito bem. Só descobri às 10 semanas, sim, é verdade, às 10 semanas! Mesmo após análise á urina, ao sangue e uma ecografia o resultado era negativo! Passado um mês voltei a fazer análise á urina, e desta vez positivo. Fui logo ao obstetra, a pensar que estava de cerca 4\5 semanas. lembro-me de estar a olhar para o ecógrafo e ver uma manchinha que era o embrião.  Achei que já era assim grande e comentei com o médico, pelo que ele me responde “ pois! Já esta de 10 semanas!” nem me queria acreditar! Na minha cabeça, só pensava, já só faltam 28 semanas!

Não cheguei a enjoar, nem vomitar, tinha era muito sono e cansaço. No início emagreci bastante, pelo que depois comecei a engordar dois quilos por mês. Engordei no total cerca de 10\11 quilos e o bebé era bastante grande. 

Também acho que não passei pelos chamados “ desejos” propriamente ditos, mas pensava mais na comida e no que queria jantar. Lembrava-me de feijoada, ou picanha, assim comidinhas bem levezinhas e fáceis de digerir. Passei por uma fase (longa) de tangerinas e kiwis, e no fim por laranjas. Talvez estivesse a precisar de vitamina c…

Tive um episódio caricato, quando estava de cerca 5 meses. Primeiro, tenho que referir que sou altamente sensível a tudo que envolva sangue. Não posso ver sangue, então se for meu (e agora dos meus filhos) entro em paralisia cerebral. (hoje já sou uma expert, e até consigo ir tirar sangue sozinha!). Decidimos ir lanchar a uma esplanada. Estava um dia óptimo, e foi muito agradável. No dia seguinte acordei e ao espirrar notei que estava a sangrar do nariz. Sangue, e sangue meu! Fui assoar o nariz e saía mais sangue. Quanto mais assoava mais sangue saía e eu entrei em choque. Só pensava SANGUE! Comecei a olhar á minha volta e via sangue na camisa de noite, sangue nas bolinhas de papel higiénico que fazia, era sangue e mais sangue, e parecia um filme de terror. Lavada em lágrimas liguei ao meu marido que veio a correr, pois ao telefone a única coisa que dizia era “ é só sangue! É só sangue!”. Claro que apanhou um grande susto e nem 5 minutos demorou a chegar. Quando entrou no quarto deu-me um grande raspanete! Não me lembro muito bem do que disse, mas sei que não estava contente, e não minha cabeça só pensava SANGUE e mais SANGUE. Levantou-me o braço e proibiu-me de assoar o nariz – básico, sim, eu sei, mas na altura não conseguia pensar. 

Por volta dos 7\8 meses comecei a entrar em trabalho de parto por duas vezes seguidas e o médico achou melhor ficar em casa. Aí a barriga começou a crescer exponencialmente. As pessoas perguntavam-me “ está para breve, com essa barriga, já falta pouco?” ao qual no início ainda respondia que faltava um mês, e depois olhavam para mim com uma carinha de meter dó, com pena do tamanho da barriga. Para o fim, quando me perguntavam, apenas respondia, “ sim, sim, é amanhã.” 

Nas últimas semanas deu-me um forte apetite de gelado de framboesa da hagen-daz. O pobre o meu irmão mais novo, levava-me ao norte shopping para comer um gelado todos os dias, e eu ficava super contente. 


O João nasceu grande e forte, com 51.5 cm e 3700kg. Quem me conhece, sabe que não sou alta (1.65cm, gostava de ter mais 5cm.) E peso cerca de 54 quilos, pelo que toda a gente ficava surpreendida do bebé ser assim grande. Agora, quem viu o Tomás, já acha o João não tão grande assim…
 Com o Tomás foi tudo mais cansativo, mais demorado (eu), mais rápido e fiquei ainda maior. Aos 3 meses eu já estava cansada de estar gravida. Aos 5 meses já parecia estar de 7, e estava tipo balão. Também não enjoei, felizmente, mas o sono era muito forte. Tanto dormia imenso como tinha insónias. 

Passei por diversas fases alimentares, tangerinas (novamente), coca-cola, salada (muita e muita salada) e por fim brigadeiros. Esta ultima acabou muito mal. Eu só queria comer brigadeiros ou tarte de brigadeiros. Ia a imensos sítios provar e experimentei muitas receitas. Uma vez, estava a fazer a massa para uma tarde de brigadeiro, e resolvi desfazer a bolacha com a varinha magica (ideia palerma, sim, eu sei). A lâmina bloqueava com a bolacha, pelo que eu (palerma) decidi ir com uma colher limpar a lâmina. Não me lembro como, mas já não tinha a colher e sim, fui com o dedo tirar o excesso de bolacha, e ainda com a varinha na outra mão (e não me lembro como) apertei o botão. Ela ligou-se e cortei o dedo várias vezes (sim, palerma, sim, estupidez, sim, sim, eu sei). A minha sorte foi que eu tinha unhas de gel e então travou a lâmina, mas mesmo assim os cortes foram profundos. Lá fomos para as urgências, raio-x, e pontos. Mas o dedo ficou direito, apenas com uma grande cicatriz para me lembrar sempre da palermice que fiz. 

Acho que a grande diferença foi que a segunda gravidez é mais tranquila do que a primeira. Apesar de estarmos muito mais cansadas e maiores, os probleminhas que possam surgir são mais relativizados pois já passamos por isso. Nesta segunda, já não ficava preocupada quando tinha contracções, deitava-me a descansar e lentamente passavam. 

O Tomás nasceu com pouco mais de 4 quilos e 52cm. Nem me queria acreditar!  Era um bebé lindo
 ( sou suspeita, mas os meus piolhos são lindos...) e leitãozinho!!! Não parecia um recém-nascido!!  engraçado, nasceram os dois morenos e com cabelo (muito) castanho, e agora são muito branquinhos e quase loiros. Já passaram 10 meses, e já tenho saudades…..


Mais posts sobre Me&Us 


Comentários

  1. Adoro, adoro a toilette do Tomás :)
    Lindo, lindo!
    se não for indiscrição, pode dizer-me de onde são as diversas peças?
    Vou ter outro rapaz em setembro e adoro este modelito!
    Um bjinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Aline! Muito obrigada, eu tambem gostei muito! É todo da Pili Carrera. Adoro o azul da PIli, acho tão sauve e tranquilo! O Tomás nasceu em Julho mas mesmo assim eu vestia-o com roupa mais quente do que era suposto para a época. Vai ver a colecção, é sempre deliciosa!
      Beijinhos e muitas felicidades!
      Marta

      Eliminar
  2. obrigada pela informação.
    Não conhecia! estive no localizador das lojas e parece que só há no norte.
    Haverá no Corte Inglês?
    os seus bebés eram mesmo uns bebezões :)
    um beijinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ola Aline, penso que só na Aviz (porto) ou em vigo. exprimente a loja online. beijinhos e felicidades

      Eliminar
  3. Que lindos e fofos e que saudades me está a dar!
    Vou ali engravidar e já venho, OK? ;)
    ahaha
    bjs

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mais lidas